Seca: Oito municípios do sertão de Pernambuco decretam estado de emergência. Belém do São Francisco está entre eles

          Moradores de municípios do sertão de Pernambuco estão sofrendo com a estiagem há quase dez meses. De acordo com a Secretaria Nacional de Defesa Civil, oito municípios sertanejos decretaram estado de emergência por causa da seca. São eles: Belém do São Francisco, Cabrobó, Flores, Floresta, Lagoa Grande, Santa Filomena, Santa Cruz da Baixa Verde e Ibimirim. Nos roçados, muitas plantações foram perdidas e os animais estão morrendo de sede.

          Na casa do agricultor Pedro Pereira, a água das cisternas está no fim. “A água tem que ser pra o consumo de casa, pra os bichos beberem e pra lavar roupa. Daqui há 15 dias não tem mais nada”, lamentou.

          Nessas cidades, riachos e açudes estão vazios. O rio Pajeú, que banha 12 municípios do sertão pernambucano, também está secando. Os bichos morrem mais por sede do que por falta de alimentos. Os sertanejos, porém, sabem conviver com as longas estiagens e encontram alternativas na natureza para alimentar os animais.

          A algaroba, que é uma planta resistente à seca, tem a vagem rica em proteína e serve para o gado. Outros utilizam a macambira. O agricultor Elias Eugênio da Silva salva a vida dos seus bodes com palma e capim seco. “Vem da força divina, porque o nordestino é um homem forte, é bravo”, afirmou.

2 comentários:

  1. vim para o parana aos cincos anos de idade tenho uma familia equilibrada hoje tenho quarenta e oito anos de idade mas nao suporto ver o sofrimento dos meus irmaos nordestinos mesmo tendo todo confortoo em minha vida choro todos os dias dilma nossa presidente nos ajude por favor faça um projeto para nao faltar agua para nosso povo e nos pagaremos nem que seja com nossas vidas para vermos o prosseguimento dos nossa geraçoes. nos ajude por favor.

    ResponderExcluir
  2. jose eranio de lima19 de março de 2013 23:13

    moro na cidade de paranagua pr a quarenta e dois anos tenho tres belos filhos e esposa mas sou nordestino e sofro de mais ao saber que em pleno seculo vinte e um ainda temos falta de agua na minha terra querida dilma mostra pra nos que teus projetos sao como de lula de querer ajudar nosso povo nos ajude acreditar que ainda tem alguem que pode nos ajudar.

    ResponderExcluir